Meio Quotes

Authors: A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z
Categories: A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z
e-increvel-como-se-pode-ser-teo-feliz-durante-tantos-anos-no-meio-de-tantas-bulhas-no-meio-de-tantas-tretas-caramba-sem-saber-de-facto-se-isso-e-amor-ou-neo-gabriel-garce-merquez
querida-quem-faz-arte-sofre-como-os-outros-que-tem-um-meio-de-expresseo-clarice-lispector
a-verdadeira-funeeo-de-um-presente-e-ser-recebido-presentes-neo-seo-coisas-e-sim-um-meio-de-transmitir-o-sentimento-de-alguem-marie-kond
aqueles-que-viviam-na-antiga-ordem-de-coisas-chegaram-e-nova-esperane-e-neo-observam-mais-o-sebado-mas-o-dia-do-senhor-em-que-nossa-vida-se-levantou-por-meio-dele-e-da-sua-morte-
tu-que-multiplicas-os-povos-sobre-terra-e-entre-todos-escolheste-aqueles-que-te-amam-por-meio-de-jesus-cristo-teu-amadessimo-filho-mediante-o-qual-nos-educaste-santificaste-e-hon
tinha-perpetua-sensaeeo-enquanto-olhava-os-carros-de-estar-fora-longe-e-sozinha-no-meio-do-mar-sempre-sentira-que-era-muito-muito-perigoso-viver-por-um-dia-que-fosse-virginia-woo
Ser ou ne£o ser, eis a queste£o. O que e mais nobre para a alma? Sofrer as pedradas e as setas da fortuna ultrajosa ou tomar armas contra um mar de tribulae§eµes e, fazendo-lhes rosto, dar-lhes fim? Morrer... dormir... mais nada. Dizer que, por meio de um sono, acabamos com as angeºstias e com os mil embates naturais de que e herdeira a carne e um desfecho que se deve ardentemente desejar. Morrer... dormir... dormir! Sonhar talvez! Ah! Aqui e que este¡ o embarae§o. Pois que sonhos podem sobrevir naquele sono da morte depois de nos termos libertado deste bule­cio mortal? Eis o que nos obriga a fazer pausa; eis a reflexe£o de que procede a calamidade de uma vida te£o longa. Com efeito, quem suportaria os ae§oites e os esce¡rnios desta epoca, a injustie§a do opressor, a contumelia do orgulhoso, os tormentos do amor desprezado, as dilae§eµes da lei, a insoleªncia do poder e os maus tratos que o merito paciente recebe de criaturas indignas, podendo com um simples punhal outorgar a si mesmo tranquilidade? Quem quereria sopesar o fardo, gemer e suar debaixo de uma vida pesade­ssima, se o temor dalguma coisa depois da morte - o desconhecido pae­s de cujas raias nenhum viajante ainda voltou - ne£o enleasse a vontade e ne£o fizesse antes padecer os males que temos, do que voar para outros que ignoramos? Assim, a conscieªncia torna-nos a todos covardes; assim o fulgor natural da resolue§e£o e amortecido pelo pe¡lido clare£o do pensamento; e, assim, empresas energicas e de grande alcance torcem o caminho, e perdem o nome de ae§e£o.

William Shakespeare
ser-ou-neo-ser-eis-questeo-o-que-e-mais-nobre-para-alma-sofrer-as-pedradas-e-as-setas-da-fortuna-ultrajosa-ou-tomar-armas-contra-um-mar-de-tribulaeees-e-fazendolhes-rosto-darlhes
?Earn cash when you save a quote by clicking
EARNED Load...
LEVEL : Load...